VDS Tecnologia

Tudo sobre o setor de telecomunicações

Ontem dia 17/05 foi o dia Mundial das Telecomunicações, e o setor de Telecom é um exemplo claro de um setor para o qual a inovação é uma questão de vida ou morte. As mudanças acontecem de forma tão rápida quanto profunda.

Por isso, as telecomunicações são a base de um setor com crescimento acelerado. De acordo com a Insight Research, a receita de serviços de telecomunicações em todo o mundo aumentou de US $ 2,2 trilhões em 2015 para US $ 2,4 trilhões em 2019.

Devido à expressividade que estas tecnologias ganham a cada dia, é importante estar por dentro de tudo o que acontece neste mercado.

Afinal, já parou para pensar como teríamos enfrentado o período de isolamento social provocado pela pandemia do Covid-19 em todo o mundo sem as telecomunicações?

No entanto, para que haja a telecomunicação é preciso que um aparelho emissor gere um sinal — faixas de tensões predeterminadas para representar os estados binários: 1 (presença de frequência) e 0 (ausência de frequência) — transmitidas por um circuito até chegar ao receptor, onde a mensagem é decodificada de forma inteligível.

Até que o sistema que conhecemos fosse possível, muitas evoluções ocorreram no setor de telecomunicação. As soluções mais atuais — ferramentas de telefonia, Internet Protocol (IP), televisão, plataformas diversas —, integram uma infraestrutura de TI útil para a alta conectividade organizacional, especialmente no contexto da transformação digital.

O que é um setor de telecomunicação?

O setor de telecomunicação é formado por três vertentes:

  • Empresas com concessão para prestação de serviços — telefonia móvel e fixa, comunicação multimídia, radiodifusão e canais por assinatura —, e prestadores de serviço que dão suporte a essas empresas;
  • Fornecedores de soluções e equipamentos;
  • Empresas prestadoras de serviços de alto valor agregado;

Esses agentes atuam num mercado de alta demanda e em constante crescimento, mas com muitos desafios — elevada carga tributária e escassez de mão de obra qualificada, por exemplo, até o fornecimento ideal de produtos e serviços.

Segundo dados apurados pela Telebrasil (Associação Brasileira de Telecomunicações), em 2018 constavam registrados:

  • 229,2 milhões de celulares;
  • 38 milhões de telefones fixos;
  • 31 milhões de assinantes de banda larga;
  • 17,6 milhões de assinaturas de TV.

Quais são os principais segmentos da indústria de Telecom?

Vimos os três subsetores básicos da telecomunicação, e os principais segmentos desses subsetores incluem:

  • Comunicações sem fio;
  • Equipamentos de comunicação;
  • Sistemas e produtos de processamento;
  • Operadoras de longa distância;
  • Serviços de telecomunicações domésticas;
  • Serviços de telecomunicações internacionais;
  • Serviços de comunicação diversificados.

A área de crescimento mais rápido do setor, é a comunicação sem fio, à medida que mais e mais métodos de comunicação e computação são desenvolvidos para dispositivos móveis e tecnologia baseada em nuvem o crescimento desse setor também é alavancado juntamente às novas tecnologias.

Esta parte da indústria é o alicerce previsto para a expansão global contínua do setor de telecomunicações.

Gostou do conteúdo? Compartilhe em suas redes sociais para seus amigos!

Conteúdos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *